Disciplina - Filosofia

Quanto vale ou é por quilo? - Seleção Étnico-cultural

Adaptação livre do diretor Sérgio Bianchi para o conto "Pai contra Mãe", de Machado de Assis, Quanto Vale ou É Por Quilo? desenha um painel de duas épocas aparentemente distintas, mas, no fundo, semelhantes na manutenção de uma perversa dinâmica sócio-econômica, embalada pela corrupção impune, pela violência e pelas enormes diferenças sociais. No século XVIII, época da escravidão explícita, os capitães do mato caçavam negros para vendê-los aos senhores de terra com um único objetivo: o lucro. Nos dias atuais, o chamado Terceiro Setor explora a miséria, preenchendo a ausência do Estado em atividades assistenciais, que na verdade também são fontes de muito lucro. Com humor afinado e um elenco poucas vezes reunido pelo cinema nacional, Quanto Vale ou É Por Quilo? mostra que o tempo passa e nada muda. O Brasil é um país em permanente crise de valores (Fonte: http://www.interfilmes.com/filme). Este trecho demonstra uma seleção de meninos afrodescendentes para atuar em um filme.



Quanto vale ou é por Quilo?, Brasil. 2005. 108 min.; Direção: Sergio Bianchi



Palavras-chave: preconceito, raça, injustiça, indústria cultural, negócios.

 

  • 7096
  • 1434
Fechar

Campos com (*) são obrigatórios.

fechar

Copie o código abaixo e insira em sua página:


Ou compartilhe através dos sites:

Fechar

Mais Informações